seg/06/20
Jovens investindo na bolsa

Os jovens e a bolsa de valores como estão?

Os jovens e a bolsa de valores

 

Antigamente, um investimento rentável à longo prazo, certamente era se formar em uma faculdade e usufruir de uma brilhante carreira e usufruir dos frutos de seu trabalho.

Mas hoje, os tempos são outros onde a internet bem como as informações oferecidas por ela, é o que tem influenciado negociações, estratégias de transações e qualquer tendência financeira, coisa que despertou o interesse dos jovens.

E surpreendentemente, a estatística de jovens investidores tem aumentando na bolsa de valores. São cerca de 116 mil jovens com idade entre 16 a 25 anos pensando em conseguir investimentos de forma rápida para usufrir do dinheiro agora, como também a longo prazo.

O aumento dessa faixa etária nesse nicho de negócios, deve-se grande parte ao youtube que tem uma avassaladora influência que incentiva através de seus canais, investir no mercado financeiro desde cedo.

Unindo a isso a queda das taxas de renda fixa, a única saída para os jovens é investir na bolsa. Em 2017 houve adesão de 17.894 jovens de 16 a 25 anos na bolsa. Já em 2019 foram 166.353 nessa mesma faixa etária.

Hoje em dia, os jovens podem absorver de forma clara e rápida, as informações globais da internet e utilizar essas ferramentas para um futuro de sucesso financeiro.

As mudanças nas leis do congresso e o bom desenvolvimento de empresas estatais, é o que tem chamado a atenção dos jovens para fazer uma aplicação nos moldes da poupança, pensando em seu futuro.

Este é o gatilho para o investimento na bolsa ser uma realidade não só para os grandes empresários como também para o cidadão normal que sua a camisa para ter uma vida melhor.

Geralmente, um dos primeiros passos dos jovens que ingressam neste mundo de negócios que sonham com a tão sonhada estabilidade financeira são aplicações no tesouro direto ou CDBs, os conhecidos títulos de renda fixa.

Entretanto, essa ação por parte dos jovens investidores mudou. Isso deve-se a queda da taxa de juros dessa mesma renda fixa. O rendimento desse produto está, de alguma forma, junto com a taxa Selic, ou seja, quando ela fica menor, a rentabilidade consequentemente cai.

É evidente que por serem jovens, estes investidores podem ter perdas, mas, se recuperarem e recomeçar.

Por mais que ele aplique em renda variável, o investimento na bolsa, se for feito sabiamente a longo prazo, é lucro certo no futuro. Isso porque as tendências das empresas é sempre buscar crescimento, o que gera valorização de suas ações.

 

Como não errar ao investir na bolsa de valores

Os jovens precisam ter em mente que de início, a estratégia ideal para prosperar na bolsa e o Buy and Hold que significa “Comprar e manter”.

Apesar da tentação de investimento a curto prazo rondar o pensamento dos jovens, o investimento a longo prazo é o mais procurado. Isso porque o medo de investir muito a curto prazo, a chamada aplicação “Trading”, e perder tudo com a queda das ações da empresa em que investiu, é um prejuízo real.

A primeira coisa a se fazer é uma boa pesquisa das empresas a se investir, conhecendo seus fundamentos e seus indicadores constantes na bolsa de valores. Isso dará mais segurança para estar sempre comprando ativos, garantindo um fluxo de caixa.

Uma ótima dica é guardar ativos de longo prazo para a aposentadoria e não comprar e vender ações diariamente. Uma dica muito valiosa é ter cautela com o momento de alta das ações, isto quer dizer, não comprar além do que pode no momento em que ações estiveram baratas para compra.

Saiba que a qualquer momento, elas podem baixarem ainda mais para o lucro ser mais proveitoso. É aquele velho ditado em ação “ de grão em grão, a galinha enche o papo”.

É importante evitar a retirada de dinheiro que está sendo investido, aguardando passar o momento de baixa para elaborar um plano de negócios para executar quando vier a ocasião da melhora nas negociações.

Se o jovem investidor tiver calma, em algum momento, certamente a rentabilidade das ações irá voltar. As pessoas comentam que investir na bola e perigoso pois o medo de perder é maior que a vontade de ganhar, causando um bloqueio desmotivador.

Isso torna difícil convencer qualquer indivíduo de que o mercado de ações é uma excelente maneira de construir seu patrimônio e um futuro financeiramente seguro. Com toda a certeza para um jovem ter sucesso na bolsa é preciso comprar ações de grandes empresas com histórico de ótima pagadora de dividendo.

Muitos veículos de comunicação, incentivam os jovens acionistas a fazer somente esse tipo de operação, a curto prazo, mesmo sem ter o conhecimento necessário para isso.

Começando, pelo chamado Trading diário, motivados pela avalanche de ferramentas disponíveis para esta determinada estratégia e promoção de diversos traders. Um erro infelizmente comum entre os jovens investidores é comprar ações que tiverem em baixa e vender na alta.

Pois qual seria a lógica de uma ação de uma determinada empresa cair muito e futuramente subir de tal maneira que valha a pena investir? Uma das ótimas ferramentas para o jovem investidor, seria uma planilha de investimentos, sendo atualizada de 3 em 3 meses.

Pode ser difícil, mas somente comprar ações e não vender, é o investimento a longo prazo propriamente dito ideal pois se o investidor compra e lá na frente resolve vender, corre o sério risco de ficar com zero de ações e interromper assim seu enriquecimento.

É nesta ocasião que muitos desanimam por terem gasto além de suas possibilidades no início do investimento. Ao contrário da rapidez e necessidade de mudança instantânea que essa idade precisa, o investimento na bolsa de valores deve ser como o andar de uma lenta e paciente tartaruga. O caminho pode ser longo, mas ela vai constante e nunca desiste.

Facebook Comments

Sobre Osmar Lopes

Osmar Lopes
Osmar Lopes, atualmente CEO na empresa o Rei das Alianças, criou o blog O Sócio com o desejo de compartilhar experiências vitoriosas sobre como transformar um negócio praticamente falido em sucesso absoluto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *